Felicidade na vida adulta é determinada pela qualidade das amizades na infância

O nível de felicidade na vida adulta é determinado pela qualidade dos relacionamentos na infância. É o que sugere pesquisa realizada na Austrália. O estudo mostra que as amizades e os laços feitos na infância têm mais influência do que inteligência, riqueza ou desempenho acadêmico na satisfação dos adultos. Craig Olsson e seus colegas analisaram 800 neozelandeses durante 32 anos, a partir dos 3 anos de idade. Eles avaliaram se as crianças sentiam que sua vida era significativa e gerenciável, o envolvimento social e a participação delas em atividades organizadas em grupos. Segundo os pesquisadores, pessoas com pontuações altas nesses traços apresentaram maior nível de felicidade na vida adulta. Os resultados mostraram ainda que o desenvolvimento precoce da linguagem e o desempenho acadêmico na adolescência tinham apenas uma fraca associação com bem-estar. A equipe acredita que para aumentar a conectividade social das crianças visando uma vida adulta com maior índice de satisfação é preciso desenvolver um currículo social amplo que poderia ser aplicado em paralelo ao currículo acadêmico. "O ambiente social oferece críticas oportunidades de aprendizagem para crianças e jovens a serem exploradas, testadas e consolidadas com valores como a bondade, confiança, lealdade, cuidado que apoiam relacionamentos positivos em todo o curso da vida", conclui Olsson.

Fonte: Isaúde – 12/08/12

]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Diabetes e hipertensão são fatores de risco para a saúde dos rins
Próximo post
Crianças que roncam são mais propensas a problemas de comportamento

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

Menu