Espinafre pode ajudar no combate a demência, diz estudo

De acordo com um estudo, o espinafre pode ajudar a combater a demência. Os pesquisadores descobriram uma ligação entre o baixo nível de vitamina C, betacaroteno e a demência. Para isso, uma investigação foi feita e descobriram que frutas e legumes que são ricos em antioxidantes (cenoura e damasco) também ajudam a combater os sintomas da doença, segundo o dite Daily Mail. Cientistas alemães da Universidade de Ulm analisaram as diferenças entre 74 pessoas com a doença de Alzheimer leve e 158 pessoas saudáveis. Os participantes, com idades de 65 e 90 anos, que foram submetidos a testes neuropsicológicos, respondeu a perguntas sobre o estilo de vida, fizeram o exame de sangue e tiveram o índice de massa corpórea calculado. O resultado mostrou que não houve diferença nos níveis de antioxidantes (vitamina E, licopeno e coenzima) nos grupos que participaram. A epidemiologista Gabriele Nigel disse que, apesar de precisar de mais estudos para confirmar os resultados, as descobertas sugerem que as frutas e os vegetais desempenham um papel positivo na luta contra a doença de Alzheimer.

Fonte: R7, 13 de setembro de 2012

]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Contaminantes ambientais pioram memória e tolerância ao estresse em idosos
Próximo post
Dieta rica em gordura ingerida em horários fixos previne a obesidade

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

Menu