Exercícios físicos ajudam no controle da ansiedade

A prática de exercícios físicos traz melhoras no humor, mas ela pode trazer ainda outro benefício: a redução da ansiedade vivenciada durante eventos estressantes. Apesar de muitos estudos mostrarem a relação entre exercícios físicos e a melhora de humor, cientistas não sabiam se esses efeitos positivos se manteriam se o indivíduo tivesse que lidar com fatores estressantes após o momento da atividade esportiva. Em uma pesquisa desenvolvida nos Estados Unidos, cientistas pediram a um grupo de pessoas que fizessem 30 minutos de ciclismo, ou descansassem pelo mesmo período de tempo em dois dias. Eles completaram um questionário de medição de níveis de ansiedade antes e depois de fazerem a atividade. Depois disso, os participantes viram imagens agradáveis, como fotos de crianças e filhotes, imagens desagradáveis de violência e imagens neutras, de utensílios domésticos e mobília. Os níveis de ansiedade foram medidos após esse teste. Os questionários preenchidos pelo grupo mostraram que a atividade física e o momento de descanso tiveram o mesmo efeito na redução de níveis de ansiedade. Mas após a exibição das imagens, os níveis de ansiedade das pessoas que haviam descansado foram elevados, sendo que as taxas baixas foram mantidas em pessoas que praticaram exercícios. “Nós descobrimos que o exercício ajuda a abafar os efeitos da exposição emocional. Se você se exercita, você não apenas reduz a sua ansiedade, mas você também será mais capaz de manter a redução da ansiedade quando for confrontado com eventos emocionais”, explica o pesquisador J. Carson Smith. A pesquisa será publicada no periódico Medicine and Science in Sports and Exercise.

Fonte: Boa saúde, 18 de setembro de 2012

 

]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Estilo de vida sedentário é uma das principais causas mundiais de morte
Próximo post
Envelhecimento e sons muito altos podem reduzir a capacidade auditiva

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

Menu