Exercício físico fortalece o músculo e protege as articulações contra dores

Sentir dor é um sinal de que algo está errado com o seu organismo. O Bem Estar desta terça-feira (25) explicou que saber identificar o tipo de dor nas articulações pode ajudar a  descobrir a origem do problema, que pode ser artrite, artrose, gota, tendinite e bursite. Seja qual for a doença, é importante procurar um médico caso a dor dure mais de 3 semanas.

Para prevenir esses incômodos, o reumatologista Ricardo Fuller e a ortopedista Márcia Uchôa deram dicas importantes, como fortalecer os músculos que sustentam as articulações com atividades físicas, evitar posturas que sobrecarregam as articulações por um longo período e evitar também sobrecarga. Para aliviar as dores nas fases agudas, é recomendável o uso de gelo, que funciona como analgésico e pode bloquear o incômodo.

O reumatismo, ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, não atinge apenas os idosos. Existem mais de 100 tipos de doenças reumáticas que podem surgir em todas as faixas de idade e podem atingir todas as estruturas ligadas às articulações, como os tendões, ligamentos, músculos, cápsulas e bursas.

Já a tendinite  é uma inflamação no tendão e acontece geralmente por causa da sobrecarga nessa região. Ela acomete os ombros, os cotovelos, os punhos, o quadril, os joelhos e o tornozelo, mas não aumenta o volume dessas áreas, não aumenta a temperatura e não limita os movimentos. Outra inflamação pode ser causada pela bursite, mas na bursa, que fica entre o tendão e o osso. A dor, nesse caso, é pontual e a pessoa pode sentir pontadas e queimação.

A artrite também é uma inflamação e costuma ocorrer nas duas mãos, nos dois pés, nos dois joelhos ou nos punhos. A dor da artrite é constante e pode causar algumas pontadas, deixando o local quente e limitando os movimentos. Caso a dor dure mais de três meses, pode prejudicar a articulação e levar a deformidades ou até mesmo a dificuldades para caminhar e realizar tarefas com as mãos, por exemplo. A artrose, no entanto, é o desgaste das articulações que, uma vez degradadas, não se regeneram mais. A cartilagem pode ficar fina, seja por pressão, obesidade ou movimentos repetitivos e, com isso, diminui a capacidade de amortecimento de impactos pela articulação.

 Ela é mais comum nos joelhos, mãos e coluna. A dor é progressiva, piora com o movimento e melhora com o repouso. Para prevenir essa inflamação e preservar a articulação, é importante o fortalecimento muscular já que os músculos funcionam como uma espécie de proteção. O tratamento é feito com a aplicação de ácido hialurônico na região prejudicada, para diminuir a inflamação e lubrificar a articulação. O efeito geralmente dura por volta de um mês, mas pode chegar a mais de dois anos.

 Outro problema que pode atingir as articulações é a gota, provocada pelo excesso de ácido úrico no sangue. A dor é aguda, aparece de um dia para o outro, deixa o local vermelho, inchado e quente, lateja e queima e costuma durar de 3 a 7 dias, se não for tratada corretamente. O tratamento é feito com alimentação saudável e controle do ácido úrico. Com o passar do tempo, se não tratada, a gota pode deformar as articulações e causar uma artrose secundária, limitando os movimentos. Ela é mais comum nos membros inferiores como pés, tornozelos e joelhos, mas se não tratada, pode acometer mãos e cotovelos. Ao contrário do que muitos pacientes com gota fazem, não se deve tomar o remédio só quando a dor aparece. O controle da gota com medicamento é eterno e pacientes que fazem o tratamento correto dificilmente terão crises. Os médicos alertam também para o consumo de bebidas alcoólicas, que deve ser evitado porque aumenta a taxa de ácido úrico e pode contribuir para o desenvolvimento da doença. Fonte: Bem-estar/G1, 25 de setembro de 2012

 

 

]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Acupuntura e homeopatia viram opções para aliviar sintomas da menopausa
Próximo post
Suco de clorofila limpa organismo de toxinas e ajuda a emagrecer

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

    Menu

    Olá! Nosso site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Para saber como alterar as configurações de cookies do seu navegador, clique aqui.

    Se continuar navegando, entenderemos que você concorda com nossos termos de uso, política de privacidade e política de cookies.

    Abaixo, você pode escolher que tipo de cookies você permite neste site. Clique no botão "Salvar configurações de cookies" para aplicar sua escolha.

    FuncionaisNosso site usa cookies funcionais. Esses cookies são necessários para permitir que nosso site funcione.Ao continuar navegando, entenderemos que você concorda com nossos termos de uso, política de privacidade e política de cookies.

    AnalíticosNosso site utiliza cookies analíticos para possibilitar a análise e otimização para fins de usabilidade.

    Mídias sociaisNosso site coloca cookies de mídias sociais para mostrar a você conteúdo de terceiros, como YouTube e FaceBook. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

    PropagandaNosso site coloca cookies de publicidade para mostrar anúncios de terceiros com base em seus interesses. Esses cookies podem rastrear seus dados pessoais.

    OutrosNosso site coloca cookies de terceiros de outros serviços que não são analíticos, de mídias sociais ou de publicidade.