Veneno de cobra africana pode produzir analgésico tão eficaz quanto a morfina

 O veneno de uma cobra africana, a mamba negra, contém substâncias que podem produzir analgésicos tão eficazes quanto a morfina no futuro. É o que afirma estudo realizado por cientistas da Universidade de Nice, na França. Os resultados mostram que dois peptídeos, chamados "mambalgines", presentes no composto são capazes de suprimir a sensação de dor. Os peptídeos agem inibindo proteínas da família das ASICs, encontradas na membrana dos neurônios e envolvidas no surgimento da dor. A equipe, liderada por Sylvie Diochot, purificou os peptídeos do veneno e desenhou a estrutura dos compostos. Eles, então, foram capazes de testar as os mambalgines em linhagens de camundongos com vários ajustes genéticos em suas vias de dor. Diochot e seus colegas determinaram que o mambalgines trabalham bloqueando um conjunto de canais iônicos neurológicos associados com sinais de dor. Eles descobriram ainda que os peptídeos não causam efeito colateral como risco de insuficiência respiratória que a morfina provoca. Os ratos tratados também desenvolveram menos rejeição a eles ao longo do tempo. Segundo os pesquisadores, a experiência também ajuda a compreender melhor os mecanismos da dor. "É essencial entender a dor melhor para desenvolver novos analgésicos. Os peptídeos extraídos do veneno da cobra tem o potencial para tratar melhor os pacientes humanos", afirmam os autores.

Fonte: Isaúde, 04 de outubro de 2012

 

]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Substância encontrada na melancia melhora saúde cardíaca e reduz peso corporal
Próximo post
Elogio ao Hospital Daher e ao Dr. Alexandre Mesquito

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

Menu