Mascar chiclete deixa as pessoas 10% mais alertas e estimula o pensamento

pesquisa-sugere-que-chiclete-pode-melhorPesquisadores do Instituto Nacional de Ciências Radiológicas , no Japão, demonstraram que mascar chiclete faz bem para o cérebro. A pesquisa sugere que a goma de mascar pode impulsionar o pensamento e pode melhorar o estado de alerta e a rapidez de pensamento em 10%. A investigação, publicada na revista Brain and Cognition, revela que até oito áreas cerebrais são afetadas diretamente pelo simples ato de mascar chiclete, aumentando a estimulação em áreas localizadas próximas de pontos neurológicos e melhorando o fluxo sanguíneo no cérebro. Os investigadores avaliaram 19 adultos saudáveis, de ambos os sexos e com idades entre 20 e 34 anos. A equipe observou através de exames de ressonância magnética dois grupos de voluntários. Em um deles os indivíduos mascavam chicletes e no outro não. O primeiro conjunto demorou 493 milésimos de segundo a reagir aos estímulos propostos e o segundo grupo levou mais tempo, 545 milésimos de segundo. A equipe analisou algumas áreas do cérebro relacionadas com o estado de alerta entre outras e descobriu que o ato de mastigar em si estimulou determinadas áreas do cérebro, como o córtex cingulado anterior, tornando-as mais ativas. Os investigadores concluíram que a mastigação reduziu o tempo de reação no teste cognitivo, por induzir um aumento no nível de excitação e alerta, além de ter um efeito sobre o controle motor, levando a melhorias no desempenho cognitivo. Segundo os pesquisadores, o estudo sugere que o chiclete pode melhorar o tempo de reação em adultos saudáveis em uma tarefa cognitiva computadorizada específica. Fonte: Isaúde, 07 de fevereiro de 2013]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Poluição eleva risco de recém-nascidos com menor peso, indica estudo
Próximo post
Conheça e saiba para que servem os diferentes tipos de peeling

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

Menu