Compostos do gengibre facilitam respiração de pessoas com asma

tecidos-tratados-com-a-combinacao-de-comEquipe de pesquisadores da Universidade de Columbia, nos EUA, demonstrou que compostos do gengibre podem ter propriedades que ajudam pacientes com asma a respirar mais facilmente. A asma é caracterizada por bronco-constrição, uma contração dos brônquios que transportam o ar para dentro e para fora dos pulmões. Medicamentos broncodilatadores chamados beta-agonistas (ß-agonistas) estão entre os tipos mais comuns de medicamentos para asma e trabalham relaxando o tecido do músculo liso das vias aéreas. O estudo atual analisou se componentes específicos de gengibre podem ajudar a melhorar os efeitos relaxantes dos broncodilatadores. “A asma tem se tornado mais comum nos últimos anos, mas apesar de uma melhor compreensão do que a causa e de como ela se desenvolve, durante os últimos 40 anos, alguns novos agentes de tratamento foram aprovados para atacar os sintomas da asma. Em nosso estudo, demonstramos que os componentes do gengibre purificado podem trabalhar em sinergia com ß-agonistas para relaxar o tecido das vias aéreas”, afirma a principal autora da pesquisa Elizabeth Townsend. Os pesquisadores coletaram amostras de tecido das vias aéreas de humanos e contraíram as amostras, expondo-as à acetilcolina, composto neurotransmissor que provoca broncoconstrição. Em seguida, os investigadores misturaram o ß-agonista isoproterenol, com três componentes separados do gengibre: 6-gingerol, 8-gingerol e 6-shogaol. As amostras de tecido contraídas foram expostas a cada uma destas três misturas, bem como isoproterenol adulterado e as respostas de relaxamento foram registradas e comparadas. Os investigadores descobriram que os tecidos tratados com a combinação de componentes de gengibre e isoproterenol exibiram maior relaxamento do que aqueles tratados apenas com o isoproterenol. Um dos três componentes do gengibre, 6-shogaol pareceu mais eficaz no aumento dos efeitos relaxantes do ß-agonista. “Os dados mostram que os compostos do gengibre 6-gingerol, 8-gingerol e 6-shogaol atuam em sinergia com o ß-agonista no relaxamento do tecido das vias aéreas, indicando que estes compostos podem proporcionar alívio adicional dos sintomas da asma, quando usados em combinação com ß- agonistas. Ao compreender os mecanismos pelos quais estes compostos do gengibre afetam as vias aéreas, podemos explorar o uso da raiz para aliviar os sintomas da asma”, conclui Townsend. Fonte: ISaúde]]>

schedule

Agende a sua consulta no Hospital Daher

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Bebida e fumo em excesso causam 'envelhecimento precoce' do cérebro
Próximo post
Estresse no trabalho pode aumentar colesterol "ruim", diz estudo

Youtube Daher

Notícias Daher

share

Compartilhe:

mails

Receba nossas novidades:

Menu